Uma potência em mim

Imagem: pexels.
Escrevo numa tentativa de recompor a minha liberdade. Às vezes, eu a sinto ameaçada de tal forma, que parece que eu a prendo pelo pescoço no alto de uma árvore. Quando o apoio dos pés estão prestes a falhar, escrevo.

Este momento não é sempre tão claro. A necessidade emerge nas horas mais inóspitas, ganhando uma força que nem mesmo reconheço. Esta potência mora, um tanto adormecida, dentro de mim e ganha asas por meio das palavras que escrevo.

Não planejo a minha escrita. Ela surge, simples e pura, à minha frente, berrando para que lhe dê vida. Pulsando até que as ideias apareçam — no papel ou na tela — e sejam lidas por outrem. Fisgadas pelas entrelinhas, o texto ganha forma. Não há controle ao longo do processo, mas há beleza. E o que é a arte se não algo belo em sua estranheza?

Tudo parece mágico, eu sei, e a verdade é vital: escrever é o que mantém a minha sanidade e é o que marca a minha existência no mundo.

Não sei até que ponto isso reverbera nos outros. Só sei que sou livre, sou luta, sou assim.
_____________________________________________________________

You May Also Like

4 comentários

  1. Maravilhoso!

    http://submersa-em-palavras.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Nem sei dizer o quanto escrever é combustível da minha vida, é tudo. Adorei seu post!

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  3. Sei como é, sempre tenho surtos de escrever quando parece que tudo não tem mais jeito. E quando tudo está bem eu travo e não escrevo. Preciso de tristeza e solidão para inspiração que triste né. Pra mim não, fico feliz e me faz bem. kkkkkk Nunca vou entender.

    ResponderExcluir
  4. Oii Fê!
    Para algumas pessoas a escrita é quase como uma necessidade mesmo, faz parte dos sentidos, é uma forma de se expressar. É muito bom poder transportar nossa inspiração e sentimentos para as palavras e transmitir a outros. Dar vida aquilo que está em nós =)

    ResponderExcluir

Olá!

♥ É muito bom poder ouvir o que você pensa sobre este post. Por favor, se possível, deixe o link do seu site/blog. Ficarei feliz por poder retribuir a sua visita.

♥ Quer saber mais sobre o blog? Então, inscreva-se para receber a newsletter: bit.ly/newsletteralgumasobservacoes

♥ Volte sempre! ;)