{101 coisas em 1001 dias} Fazer uma viagem internacional: Buenos Aires, mi amor

by - 11:37 PM

O texto abaixo faz parte da série Buenos Aires - season 1 e relata o que vivi na capital argentina durante as férias de julho de 2015.

Foto feita por mim no primeiro dia da viagem. Na imagem, a Casa Rosada.

Hey, hey, hey! 
Aqui estou eu de volta para - finalmente - contar um pouco de como foi a minha aventura em Buenos Aires. Esta foi a minha primeira viagem internacional, e o destino era o meu sonho de infância! Não sei ao certo a razão de querer conhecer a capital portenha, mas posso afirmar que carregava esta vontade desde quando era chiquita.

Tudo começou lá em fevereiro, quando a Moni (do À Beira dos 30) disse que estaria de férias em julho também. Ela procurava um roteiro para o Nordeste, e eu estava em busca de uma companhia para explorar as áreas de Evita Perón. Convite feito, convite aceito. Então, passamos à fase de planejamento.

Planejamento

Eu já havia pesquisado muitos sites e também havia comprado o Argentina, O Guia Verde, da Michelin, porque antes desta tentativa tive outras duas (com duas amigas diferentes), que não deram certo por n motivos. Logo, março e abril foram passando para a Moni todas as informações que tinha. 

Dos vários links que encontrei, três deles foram extremamente úteis. O primeiro é o site da minha amiga Faah Bastos. Ela esteve por lá em 2014 e escreveu uma série no blog dela. De lá, pegamos a dica do hotel. O segundo foi um achado no instagram! O ig chamado Buenos Bares BA (que tem o seu respectivo site) salvou a nossa vida de viajantes de primeira viagem e passou a morar no coração! ♥ O Dan e a Naty, que são os idealizadores do ig, são dois brasileiros que moram em Buenos Aires há cinco anos. Além do site e do instagram, eles escreveram o guia Buenos Aires para Iniciantes. Ao contrário de tudo o que já havíamos visto até então, o guia dos meninos era de leitura fácil e, ao mesmo tempo, continha as melhores dicas juntas em um só documento! Super prático para quem tem que organizar uma viagem e não tem muito tempo. Muito amor! ♥ Por fim, mas não menos importante, o blog Janelas Abertas foi o que nos ajudou na escolha (com desconto, ueba!) do seguro viagem (que, graças a Deus, não precisamos usar!).

Os outros links que lemos foram: 
- Buenos Aires Ciudad (site do governo de BsAs, portanto, em espanhol);
Brasileiros por Buenos Aires (esse site também tem um guia, que eu imprimi, mas acabei não usando :X);
TripAdvisor (tópico sobre os táxis em BsAs);

Em nenhum momento a gente pensou em fechar pacote (acho que a Moni ainda chegou a ver um, só para a gente ter noção de preço e do que estava caro ou barato). Depois de ler tudo isso (ou de ao menos passar o olho nas informações), passamos algumas horas rascunhando o que faríamos em cada um dos dias - e antes que pergunte, acho que a única coisa que fizemos no dia em que planejamos foi a ida à feira de San Telmo, no domingo... Do restante, mudamos tudo e nos sentimos muito bem com isso! uahahahah

Fazendo as malas: expectativa de clima X realidade do clima

Levei uma mala e uma mochila como bagagem de mão. Fazer a mochila foi fácil! Nela levei uma blusa de lã, um par de luvas (aqui estava quente, mas sabia que chegaria com frio lá), os documentos, o equipamento fotográfico, a necessaire, a carteira e uma bolsa pequena para usar lá. Minha ideia era ter um pouco de espaço, caso precisasse trazer os presentes. Já a bagagem foi complicada, muito complicada...

Quem me conhece sabe o quanto eu sou uma pessoa do verão. Se há algo que me faz ficar de mau humor é passar frio. Agora, você pode imaginar o pânico de ver a previsão do tempo com mínimas de 2, 3ºC e máxima de 11, 13º, certo? Quis levar todas as minhas roupas e as das minha mãe e irmã emprestadas! uahahahahha

Fiz uma prévia e selecionei o que levaria de quentinho para dormir, além de casacos, chapéus, cachecóis e blusas de lã. Depois, no momento de colocar tudo na mala, acabei deixando muitas peças de fora. Ainda assim, minha mala pesou 15 quilos (sim, você leu 15 kg para 8 dias!). É claro que eu não usei nem a metade disso tudo.

A primeira lição que Buenos Aires me deu é que frio em cidade estruturada é frio gostoso. Todos os lugares estão extremamente preparados para que as pessoas não passem frio. Metrô, restaurantes (mesmo que seja um fast food ou um café), o hotel, os museus, tudo quentinho. Ademais, é diferente daqui de São Paulo. Quando está frio aqui, e entramos em um lugar quente, sentimos aquele bafo, aquela quentura. Lá em Buenos Aires não, o que sentimos é um quentinho aconchegante. Frio mesmo é só quando você anda na rua e sente o vento que corta! Mas não deixa de ser gostoso. E sim, é difícil de descrever com palavras! O que posso dizer é que a minha relação com o frio mudou e muito. Hoje eu sinto frio e penso: que saudades da viagem! uahahahahahah

Precisa de links sobre arrumar malas? Tem também:
- Turista Profissional - o que levar na mala para uma viagem de inverno;
- Turista Profissional - Bagagem em viagem internacional: o que é permitido?;
- Receita Federal do Brasil: dicas para os viajantes;
- Desempacotados: Como levar remédios em viagem internacional;
- Falando de viagem: carregando remédios em viagem.

Primeiras impressões

Temperamento dos argentinos: muita gente veio me perguntar sobre como fui tratada pelos hermanos. A resposta? Melhor impossível. Em 8 dias, eu fui muitíssimo bem tratada por absolutamente todas as pessoas que falaram comigo. Quando eles percebiam que eu falava espanhol, mas a Moni não, falavam mais devagar ou tentavam um portuñol, numa tentativa de se fazerem compreender e não a deixarem de fora do assunto. ♥

Organização e respeito: eu achei a cidade muito organizada. Havia lido e ouvido que as calçadas eram sujas, mas achei tudo muito mais limpo que Sampa. Além disso, fiquei besta como os motoristas param para você atravessar! Várias vezes eles nos davam passagem mesmo quando o farol estava aberto para eles. Aliás, o trânsito é um tanto curioso, porque ao mesmo tempo que eles nos dão passagem, seguem em frente (em baixa velocidade) quando o farol está aberto para o pedestre. E sim, isso é super normal por lá - e todos se respeitam e se entendem. 
Ainda sobre organização, passei um domingo de eleição lá. Não vi um papel na rua. Não vi uma pessoa fazendo boca de urna. Sonho de consumo isso por aqui.

Arquitetura e urbanismo: sim, é uma cidade realmente planejada e, não, não há como se perder por lá. Boa parte dos percursos fizemos à pé. Andamos muito mesmo (segundo o Dan, "mais que notícia ruim"), mas como as calçadas são largas e bem pavimentadas, tudo era um convite para estar na rua.

Bem, por hoje é isso (porque a já é tarde e a teacher tem aula logo cedo!). Deixem aí nos comentários o que vocês querem saber, que eu respondo nos próximos posts!
Beijos e queijos

_____________________________________________________________

You May Also Like

12 comentários

  1. que lindas suas palavras sobre Buenos Bares BA <3 te esperamos para a season 2! hahahaha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você e o Dan foram dois lindos na nossa viagem! Nada mais que justo, Naty! Espero que esta season 2 aconteça em breve, porque eu estou morrendo de saudades de vocês! Obrigada pela recepção e pelo carinho! Vocês foram incríveis! <3
      Um beijo!

      Excluir
  2. Que legal Fê, você escrever sobre sua experiência !! Post muito bom com ótimas dicas, as vezes temos uma visão diferente, falam tanto dos argentinos como brasileiro iria ser tratado e tal, sinceramente nunca tive a curiosidade de conhecer a Argentina, mas o que você escreveu achei bastante interessante , quem sabe um dia eu visite ? bjs!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rê, vale toda a pena você se planejar e ir esperando momentos de alegria e felicidade! Nós só vivemos isso e eu estou louca para repetir a dose. Lá é incrível e você tem que se dar uma chance!
      Pense seriamente sobre isso, tenho certeza de que não irá se arrepender!
      Um beijo!

      Excluir
  3. Eu tenho muita vontade de conhecer Buenos Aires por ser uma cidade muito organizada... Ainda quero realizar essa vontade!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Fê!
      Eu espero que você realize este desejo em breve e que seja tão feliz quanto eu fui. Buenos Aires é um lugar incrível e muito acolhedor! Vale muito a pena! Tanto é que não vejo a hora de voltar! :)
      Coloque isso como meta e corra atrás! :D
      Um beijo!

      Excluir
  4. Fê, gostoso ler sua experiência na terra dos hermanos! Viajar para fora do país é perceber que o mundo não grande assim!! rsrsrs

    Não vejo a hora de saber mais sobre o resto da viagem!!

    Bjos

    http://thatsthewayilikeit.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Boo!
      A viagem tem várias histórias, precisamos de uma tarde toda juntas! <3 Vai ser um prazer falar da terra dos hermanos!
      Um beijo!

      Excluir
  5. Não é impossível se perder por lá porque eu me perdi! E olha que já era minha terceira vez lá! Quem não tem noção espacial sempre vai se perder. hahahahahahaha

    E bem, Buenos Aires é só amor e seu post foi muito bom - mesmo não me citando, e olha que tentei te ajudar várias vezes! Até fiz post sobre buenos aires no meu blog por sua causa! Mas ok, não guardarei rancor... ahahahahahaha

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Liv!
      Como disse em um outro post, para não se perder, tem que estudar os mapas. Eu sai daqui com Buenos Aires quase todo na cabeça de tanto que acessei o google maps! uahahahahaha Quando passava pelos lugares, me lembrava dos nomes, isso ajudava bastante!

      Quanto ao link, desculpe por ele não ter entrado no post. Foram muitas leituras e eu fiz um esforço grande para não me esquecer de ninguém - o que pelo visto, não deu muito certo :/

      Um beijo!

      Excluir
  6. Agora você pode encarar o frio do Canadá! ;) É exatamente isso que você falou, é um frio gostoso, não machuca não. E dentro dos ambientes, você não sente frio. Eu AMO frio, então sou suspeita pra falar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ana!
      Morro de vontade de conhecer o Canadá! Só ouço os amigos que foram fando muito bem daí! :D Quem sabe eu não vá te visitar um dia?
      Beijos :*

      Excluir

Não deixe de observar também!

Sempre vou responder ao seu comentário por aqui; mas, se você deixar o seu link, farei questão de ir observar na sua morada! ;)