Sentimentos V (Carta para você - parte 5)

by - 10:28 PM

Uma flor é um amor que embeleza o jardim da vida.

Queria escrever sobre mim, sobre você, sobre o que fomos e o que ficou. Sabe, tive um daqueles dias ruins hoje e tudo o que eu queria era ter você aqui, dizendo que tudo ficará bem de novo. Sinto falta do seu abraço.

Eu sei que a vida segue, mas ela nem sempre é tão perfeita quanto dita esta sociedade movida às redes sociais. Então, quando tenho um desses dias ruins, só consigo me lembrar de como me sentia bem entre os seus braços acolhedores e o quanto era bom ter seus ouvidos atentos.

Seja como amigo, seja como namorado, devo dizer que a sua sinceridade me cativou de tal forma que era incrível poder ser eu, sem máscaras e - principalmente - sem medo. Acho que depois que nos separamos, não encontrei ninguém ainda com quem pudesse ser eu mesma, na minha essência. Não porque eu tenha medo de me mostrar, mas pelo simples fato de não querer perder tempo nas zilhões de justificativas de por quais razões sou assim.

Tenho pensado muito, muito, mas muito mesmo em tudo. Qual é o sentido do que ficou desde que cada um de nós seguiu o seu respectivo caminho. Sinto que amadureci. Sinto que a nossa história precisava mesmo de um ponto final. Entendo que esta separação era necessária. Entretanto, em dias como hoje, seu abraço faz falta. Aaaah! Como faz falta!

_________________________________________________________________
Observe também em: Facebook | Twitter | Instagram | Flickr | About me

You May Also Like

8 comentários

  1. Nossa que profundo. Isso foi para o seu ex?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Anônimo,
      a primeira coisa que digo é: por que você não escreveu o seu nome aí no final do comentário?! Só para me deixar curiosa sobre quem é você, não?! Pois bem, conseguiu atingir o seu objetivo! uahahahah

      E sim, o texto foi pra ele. Não com mágoa, raiva ou qualquer coisa do gênero. Só com saudades mesmo. A gente sempre sente saudades das pessoas que nos fizeram bem de alguma forma; e, embora eu tenha sofrido um bom bocado por causa dele no fim do nosso breve relacionamento, eu vivi bons momentos ao seu lado.

      Justamente por causa desses bons momentos, sinto saudades dele em alguns instantes. O dia em que redigi este texto foi um deles.

      Acho que é isso.
      A saudade é natural. E a vida segue!

      Beijos :*

      Excluir
  2. Achei lindo esse texto, porque eu também me sinto hoje em um dia ruim e com algumas saudades.
    Talvez não de pessoas, mas de momento..
    Beijos

    Meu Meio Devaneio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando as coisas começam a dar errado, a gente acaba se apegando ao que já deu certo para manter as esperanças. Acho que no fundo é essa a ideia, não?!

      :*

      Excluir
  3. Oi, Fê.

    Seu texto ficou lindo. Também sinto saudades de alguns momentos.

    Beijos
    http://fernandabizerra.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudades é natural! :)
      Obrigada pelo elogio!

      :*

      Excluir
  4. Sabe Fer, a gente só sente saudade do que foi bom e que sempre terá seu lugar no passado, exatamente onde ficou. Nem todas as ações que geram saudades valem a pena serem revividas. É melhor deixar a vida acontecer e outras saudades surgirem... :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo, sis!
      Por mais que a saudade traga uma pontinha de dor, o passado deve ficar lá no lugar dele!

      :*

      Excluir

Não deixe de observar também!

Sempre vou responder ao seu comentário por aqui; mas, se você deixar o seu link, farei questão de ir observar na sua morada! ;)