terça-feira, 8 de abril de 2008

Fim

Sentaram-se frente a frente. Olharam dentro dos olhos um do outro. Não disseram nada. Absolutamente nada. O silêncio era tão denso que chegava a ser ensurdecedor. O ar estava pesado. Ambos se sentiam como se estivesse acabado de correr uma maratona. Ele continuou fitando-a. Ela por sua vez, desviou o olhar magoado e passou a ver o céu cinzento da chuva que estava por vir. Ele tenta pegar na mão dela. Ela o ignora e vai até a janela... Precisava respirar. Queria que tudo aquilo que viveram juntos nunca tivesse existido. Ele se levanta e tenta abraça-la.

Ela o repudia. Sente nojo cada vez que ele a toca.

Ele tenta abraça-la mais uma vez. Ela se vira, o olha nos olhos. Sente vontade de chorar (choro de amor ou de ódio?!... Não se sabe).

Ele diz:
- Você pode não acreditar, mas EU TE AMO!
Ela dá de ombros e responde calma e friamente:
- O que importa?! O que está feito, está feito. Não te quero mais.

Ele abaixa a cabeça e sai daquele quarto totalmente resignado.

Ela fica ali, parada, mirando o céu, com os olhos marejados e o coração partido...

8 comentários:

  1. Muito triste...estou passando por uma fase terrivel no meu relacionamento.....
    Sobre a Isabella, eu tbm não sei d mais nda...como todos tbm pensei nos pai ea madrasta, pois é o bvio, mas como nem sempre o obviu é a verdade....

    beijoss

    ResponderExcluir
  2. Eu sei, eu sei... a dor da decepção supera o amor... infelizmente!

    Beijos eternos!

    ResponderExcluir
  3. Sempre profundo!! Você transpassa tão bem certas coisas... A gente acaba sentindo tudo que ler.

    ResponderExcluir
  4. Eu achei muito bom este conto. Mostra aspectos muito subjetivos do ser humano. Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Curtinho, simples, e mesmo assim emociona. Gostaria de ver esse sentimento dentro de alguma história mais complexa, poeria dar bons posts...
    Muito obrigada pelo seu comentário no meu blog ^^ vou passar sempre por aqui, beijos o/

    ResponderExcluir
  6. nossa q triste isso...
    mas que mulher mais determinada...
    vc em um pequeno texto conseguiu falar tudo...
    nao precisa muito pra saber que ela foi traida..
    q mulher de postura decidida..
    adorei o blog...
    parebens...

    com certeza vou passar aqui mais vezes...

    ResponderExcluir
  7. Olá minha única leitora.

    Percebo que vc tem talento e percebi muito bem as situações. Siga! vi em frente! só olhe pra trás pra colher experiências.
    Orgulhosa, a mulher abre mão dos seus sonhos. Instinto, o homem é vitimado pela própria natureza.

    Bjo pra vc também.

    Personagem

    ResponderExcluir
  8. Maravilhosooooooooooooo!(como diz profºJairo). O único porém, é se na hora "H" você realmente consegue fazer isso... e você sabe por que falo assim.
    Discordo de josé ouro preto, em uma coisa: traição não o único motivo para mandar um homem embora.

    bjus

    ResponderExcluir

Não deixe de observar também!

Sempre vou responder ao seu comentário por aqui; mas, se você deixar o seu link, farei questão de ir observar na sua morada! ;)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...