terça-feira, 22 de junho de 2021

{Resenha} O Oráculo da Deusa, de Amy Sophia Marashinsky e Hrana Janto

Entre em contato com as deusas.

A Editora Pensamento relançou em 2021 uma de suas publicações famosas, O Oráculo da Deusa. A obra foi escrita por Amy Sophia Marashinsky e ilustrada por Hrana Janto. O livro vem em uma caixa dura e é acompanhado por 52 cartas-oráculo.

A obra é bem organizada e didática. Marashinsky escreveu um breve prefácio em que explica o porquê de se entrar em contato com as deusas e como as religiões judaico-cristãs impactou a visão que ela — de familia judaica — teve por muitos anos do que é ser mulher. Ainda na introdução, há um breve relato do apagamento das deusas — e, em consequência, das figuras femininas — ao longo da história do patriarcado e a descrição da busca da autora por sua totalidade. É justamente esse "reintegrar os aspectos da personalidade" que ela busca oferecer às suas leitoras. 



A parte I do livro dá um norte de como usar as cartas do oráculo propondo desde como criar um ritual de concentração a como se conectar com as cartas. A autora também três sequências de como tirar as cartas, que são ótimas para quem nunca fez leitura alguma com oráculos. Além de apresentar o que se espera de cada posição tirada, Amy Sophia Marashinsk traz um exemplo prático de como interpretar a leitura. Nela a autora sugere que é possível usar o Oráculo da Deusa como complemento/confirmação de outra leitura feita com um outro oráculo ou com cartas de tarô.

Parte das 52 cartas que acompanham o livro.

A parte II do livro traz uma descrição completa de cada uma das 52 cartas do oráculo. Ali há o nome da deusa, a palavra-chave (qualidade) do que ela representa, um texto poético que dá voz à deusa ao lado de uma imagem em preto e branco da carta (que é colorida). Na sequência há a mitologia com a história da deusa, o significado da carta e uma sugestão de ritual para se conectar com ela. O bacana é que boa parte dos rituais são mentais (por meio de uma meditação, por exemplo) — o que torna essa conexão mais fácil de ser realizada.

Por fim, a parte III apresenta uma tabela-índice com as deusas, suas qualidades, sua sugestão de ritual e a cultura ou região de onde essa mitologia nasceu.

As cartas têm um tamanho bom para o manejo e têm boa qualidade, por serem impressas em papel de alta gramatura. Elas apresentam a ilustração colorida da deusa, feita por Hrana Janto, o nome da deusa e sua qualidade/palavra-chave. Então, em uma leitura intuitiva, dá para ter uma noção do que se trata a mensagem trazida pela deusa, mesmo sem olhar no livrinho. Já a caixa, por ser feita também em papelão de alta gramatura, protege tanto o livro quanto as cartas.

Capa. (A deusa da capa é a Sofia, da sabedoria.)


Livro: O oráculo da deusa
Autora: Amy Sophia Marashinsky 
Ilustração: Hrana Janto
Tradução: Zilda Hutchinson Schild Silva
Páginas: 200
Editora: Pensamento
Apresentação: Com mais de 150 mil exemplares vendidos, este clássico chega agora em caixa rígida. O livro celebra as muitas faces com as quais a Deusa foi adorada em culturas de todo mundo. O Oráculo da Deusa reúne 52 cartas que representam um aspecto particular da energia feminina e foi criado para dar fácil acesso aos conhecimentos sobre as Deusas e seus significados simbólicos, ligados ao Sagrado Feminino. Por meio de uma combinação dinâmica de poesia, mitologia e rituais, este livro responde a diversas perguntas, além de oferecer conhecimentos intuitivos e orientações para encarar os desafios do dia a dia. Um oráculo que ajuda você a entrar em contato com o presente e a criar o futuro que sempre desejou.
Livro no Skoob. | Livro no Goodreads.

_____________________________________________________________

4 comentários:

  1. Oi, Fernanda. Como vai? Parece uma obra excelente, não é mesmo? Fiquei curioso com este livro. Ótima resenha. Abraço!


    http://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É bem legal tanto como oráculo quanto para conhecer as diversas culturas que cultuam essas deusas. :)

      Um beijo

      Excluir
  2. Olá,
    Ando curtindo esses livros que destacam figuras importantes apagadas pela história. Gostei da temática desse, apesar de ser meio noob nos oráculos. haha

    até mais,
    Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse é legal também por isso. São deusas de várias culturas e nacionalidades, então dá para compreender o funcionamento de diversas sociedades. :)

      beijo :*

      Excluir

Olá!

♥ Quer comentar, mas não tem uma conta no Google? Basta alterar para a melhor opção no menu "Comentar como:". Se você não tiver uma conta para vincular, escolha a opção Nome/URL e deixe a URL em branco, comentando somente com seu nome.

♥ É muito bom poder ouvir o que você pensa sobre este post. Por favor, se possível, deixe o link do seu site/blog. Ficarei feliz por poder retribuir a sua visita.

♥ Quer saber mais sobre o Algumas Observações? Então, inscreva-se para receber a newsletter: bit.ly/newsletteralgumasobservacoes

♥ Volte sempre! ;)

Algumas Observações | Ano 14 | Textos por Fernanda Rodrigues. Tecnologia do Blogger.