terça-feira, 29 de setembro de 2020

Fênix

Foto por Andrew Stickelman, via Unsplash.

Às vezes eu acho que perdi a mão. A vontade que dá é a de jogar tudo para o alto, desfazer dos sonhos e seguir o fluxo sem ficar elaborando muito. O problema surge quando eu me lembro de que não tenho a menor vocação para engolir sapos, de que não consigo conviver com a minha infelicidade e — principalmente — de que o mundo não merece as patadas do meu mal humor.

Sou uma idealista melancólica e, talvez por isso mesmo, que escolhi as profissões que tenho. Como idealista, sou professora e acredito que o mundo só se transforma quando há acesso a educação de qualidade para todos. Como escritora, mergulho na minha própria existência melancólica que busca entender o que está fazendo aqui.

Às vezes, como parte desse entendimento, preciso me distanciar. E nesse distanciamento sinto que perco a mão e não sei mais o que escrever, como parir aquilo que precisa ser dito. É difícil domar a linguagem quando é preciso reorganizar — uma vez mais — as peças de um quebra-cabeças de uma figura comum e, ao mesmo tempo, desconhecida.

Nesses tempos em quem não escrevo, torno-me azeda. Como diria Clarice, é como se eu morresse nesse meio tempo. De pequenas mortes em pequenas mortes a vida luta em criar palavras para ressurgir.

Às vezes acho que eu perdi a mão. Mesmo assim, me debato. Mesmo assim, sigo tentando.


O tema da blogagem coletiva de setembro de 2020 foi: a voz.
Para saber mais sobre o Projeto Escrita Criativa, clique aqui.


_____________________________________________________________

4 comentários:

  1. Oi, Fernanda como vai? Que texto incrível. Parabéns! Eu adorei o desabafo contido neste texto. Fique bem. Abraço!


    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Vou te dizer que optei me distanciar de tudo e de todos durante este tempo de quarentena. Foquei no meu trabalho e sigo assim para não surtar. Colocar os pensamentos e sentimentos no lugar é a melhor estratégia para tentar não surtar!

    ResponderExcluir
  3. Espero que sua ressaca da escrita passe logo.

    Bom fim de semana!

    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir
  4. ai, fê! te entendo super!!!

    nos últimos meses eu me conheci profundamente e vi minhas imperfeições q fingia não existir. é foda!

    que a gnt tenha dias melhores. #oremos

    bj!
    Não me venha com desculpas - Adriel Christian

    ResponderExcluir

Olá!

♥ Quer comentar, mas não tem uma conta no Google? Basta alterar para a melhor opção no menu "Comentar como:". Se você não tiver uma conta para vincular, escolha a opção Nome/URL e deixe a URL em branco, comentando somente com seu nome.

♥ É muito bom poder ouvir o que você pensa sobre este post. Por favor, se possível, deixe o link do seu site/blog. Ficarei feliz por poder retribuir a sua visita.

♥ Quer saber mais sobre o Algumas Observações? Então, inscreva-se para receber a newsletter: bit.ly/newsletteralgumasobservacoes

♥ Volte sempre! ;)

Algumas Observações | Ano 14 | Textos por Fernanda Rodrigues. Tecnologia do Blogger.