{Resenha} Uma ideia toda azul, de Marina Colasanti

by - 10:22 PM

Uma ideia toda azul
Vencedor do Grande Prêmio da Crítica e do Melhor para o Jovem da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (ambos em 1979), Uma Ideia Toda Azul, de Marina Colasanti merece receber uma leitura crítica de seus dez contos.

Comecemos pelo projeto gráfico do livro, que é muito é interessante. As gravuras são em azul e branco, no estilo de xilogravura; ocupando, em sua maioria, uma página inteira. Isso segue em consonância com a brevidade e simplicidade dos contos. É justamente essa simplicidade que fisga o leitor: textos curtos e gravuras singelas. Mas não se engane: as 64 páginas de Uma Ideia Toda Azul são de uma potência que surpreende crianças e adultos.


A princesa pegou a rede, o vidro, a caixinha dos alfinetes, e saiu para caçar. Sempre atrás de borboletas, não se contentava com as que já tinha, caixas e caixas de vidro em todos os aposentos do palácio. Queria outras. Queria mais. Queria todas. 
(Página 20) 


Embora as histórias sejam voltadas ao universo infantil — compostas por reis, príncipes, princesas, fadas e unicórnios —, as breves narrativas nos causam profundas reflexões. Algumas delas, apesar do lirismo, têm uma carga forte, por abordar temas que são evitados nos livros para pequenos: o amor, a morte, a passagem do tempo, a juventude e a velhice, o impacto das nossas decisões, a solidão. 

Por meio do mítico, Colasanti viaja até a profundeza da alma humana. Lá, ela traz à tona os medos de seus leitores e propõe — se não uma solução — uma reflexão de como lidar com as maiores incertezas da vida. A dor é latente ao longo dos textos, mas também é vista de uma forma bonita, poética. 

As diversas camadas de profundidade divertem as crianças e dão aquela chacoalhada nos adultos. Isso implica em gerar reflexões a cerca dos nossos valores. Por meio do texto, nos pegamos pensando se estamos caminhando ou não na direção certa. Para as crianças, penso que a reflexão parte no sentido de "para onde quero ir e o que quero da minha vida?". Isso, sem dúvida alguma, foi o que mais gostei nesta pequena grande obra. 

Livro: Uma ideia toda azul
Autora: Marina Colasanti
Páginas: 64
Editora: Global
Sinopse: Em Uma ideia toda azul, reis, rainhas, princesas, príncipes, unicórnios, gnomos, cisnes, fadas são alguns dos personagens dos dez contos, criados pela sensibilidade e imaginação de Marina Colasanti. As histórias, embora passadas em lugares imaginários – castelos, bosques, reinos distantes -, revelam sonhos, fantasias, medos, desejos e outros sentimentos sempre presentes na alma humana. A linguagem de uma sonoridade poética narra a história da princesa sem amigos, do rei prisioneiro em seu próprio reino, do unicórnio e sua paixão, da corça aprisionada, da princesa, possessiva, insensível. Os aspectos simbólicos e os valores contidos nesses contos são básicos para a formação da personalidade da criança.
Clique aqui para acessar o projeto de leitura do livro (disponibilizado pela editora). | Clique aqui para ver o livro no skoob.
_____________________________________________________________

You May Also Like

14 comentários

  1. Olá, Fê.
    O interessante nesses livros infantis é que para os adultos a mensagem é tão significativa. Adorei a dica. Só queria umas fotos para ver como é por dentro hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sil!
      Acho que, o mais legal de tudo, é que as crianças também percebem esse significado todo — ainda que elas não consigam explicar direito. :)

      Quanto ao livro dentro, as letras também são em fonte azul. :) Achei bonitinho :)

      beijos :*

      Excluir
  2. Parece um livro delicioso de ler e de uma leitura obrigatória. Quando tiver filhos vou amar incentiva-los a ler obras assim. <3
    Charme-se

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Simone!
      Recomendo os livros da Colasanti para as crianças. Ela realmente sabe escrever uma literatura de qualidade. ♥

      Beijos

      Excluir
  3. Não conhecia o livro nem a autora, mas parece-me um livro muito bonitinho, já há muito tempo que não leio um livro dentro do género infantil.

    MRS. MARGOT

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ela é bem conhecida aqui no Brasil :)
      Espero que você tenha a chance de lê-la um dia.

      Beijos

      Excluir
  4. Gostei da resenha, boa dica!

    Beijos,beijo!
    http://www.cherryacessorioseafins.com.br

    ResponderExcluir
  5. Marina + Editora Global = amor demais <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pense que esse é um encontro muito feliz! :D
      Também achei amor total :D

      Excluir

Não deixe de observar também!

Sempre vou responder ao seu comentário por aqui; mas, se você deixar o seu link, farei questão de ir observar na sua morada! ;)