Tranquilidade febril

by - terça-feira, agosto 16, 2016

Imagem por Ernie, sob licença creative commons.

Brincar com fogo.
Viver contente.
O que é a vida
Se não um “de repente”?

O aqui,
O agora,
O instante que está...
A dúvida,
O rumo,
A decisão para tomar.

Brincar com o fogo,
Um tanto descrente
O que acontece com os ausentes?
O que se passa com o que aquece
Crepita, esquenta e, depois, morre?
O brincar com fogo,
Sentimento que consome.

Brincar com o fogo
Sentimento que acalma
Tranquilidade febril que acalenta alma.

_____________________________________________________________

You May Also Like

2 comentários

  1. Fer,

    Que bonito! Quem consegue viver sem brincar com fogo? Quem é que nunca arrisca? Precisamos dessa febre para tocar a vida pra frente, o que não queima acaba congelando, e gelo não se mexe!

    Gostei muito!

    Um beijo ♥
    Inventando Assunto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "e gelo não se mexe" Que comentário mais poético!
      Amo a sua delicadeza, Line!

      Beijos

      Excluir

Olá!

♥ Quer comentar, mas não tem uma conta no Google? Basta alterar para a melhor opção no menu "Comentar como:". Se você não tiver uma conta para vincular, escolha a opção Nome/URL e deixe a URL em branco, comentando somente com seu nome.

♥ É muito bom poder ouvir o que você pensa sobre este post. Por favor, se possível, deixe o link do seu site/blog. Ficarei feliz por poder retribuir a sua visita.

♥ Quer saber mais sobre o Algumas Observações? Então, inscreva-se para receber a newsletter: bit.ly/newsletteralgumasobservacoes

♥ Volte sempre! ;)