O tal "seguir em frente"


O tal "seguir em frente, para muitos significa ir na direção oposta daquilo que mais os atraiu. É deixar para trás alguns momentos bons, alguns sorrisos, algumas borboletas no estômago. É passar por cima das lágrimas, das noites mal dormidas e, principalmente, das lembranças.

O caminho deste tal "seguir em frente" não é fácil. Primeiro, a gente quer pensar na possibilidade de não segui-lo; então, depois de tanto sofrer, a gente se cansa de lutar contra e vai. Seria ótimo se, logo de cara, nos encontrássemos com o "feliz para sempre"; contudo, esse tal "seguir em frente" é também conhecido como "prova de fogo". A cada teste, um tropeço. A cada tombo, a vontade de voltar correndo para o conhecido, mesmo que este lugar seja o limbo e a dor em que se estava antes de partir. 

Só se vence o "seguir em frente", quando não se pensa mais em olhar para trás. Seguiu em frente aquele que não objetiva mais seguir em frente. Falando assim, parece estranho. Todavia, repare em todos que seguiram em frente: estas pessoas já não tocam mais neste assunto, porque ele já foi superado.

Se superação está diretamente ligada aos desafios que a vida muitas vezes nos impõe, é porque o tal do "seguir em frente" é um deles (talvez o maior deles!). Para seguir em frente, muitas vezes temos que deixar um pedaço nosso para trás.

Mas, por que estou falando tudo isso? Deve ser porque escrever me mostra os caminho para eu alcançar aquela luz lá no fim do túnel - que está um tanto a minha frente. É... é preciso seguir em frente.

Share:

5 comentários

  1. Ótimas definições.
    Já pratiquei o "seguir em frente" e concordo com todo o texto.
    Beijos, Aline
    http://24diasdeprimavera.wordpress.com

    ResponderExcluir
  2. muito verdade isso que você diz no texto! é difícil admitir que é preciso seguir em frente e mais difícil ainda seguir em frente. Parabéns pelo texto!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é!
      É difícil, duro, mas extremamente necessário.
      ;)

      Excluir
  3. Que texto maravilhoso!
    Seguir em frente é sempre muito difícil. Acho ate que é parente do "tudo passa".

    Minhas Impressões

    ResponderExcluir

Não deixe de observar também!

Sempre vou responder ao seu comentário por aqui; mas, se você deixar o seu link, farei questão de ir observar na sua morada! ;)