BEDA agosto/2018 #14 — {Diário de Gateira} Cio e castração da Poesia — Parte 2

Poesia castradíssima!
Oi, pessoal!
Conforme o prometido, segue o segundo post sobre a castração da Poesia. Se você ainda não leu o primeiro, pode encontrá-lo aqui.

A cirurgia

A cirurgia foi simples. Ela internou às 10h, às 12h30 já tinha acordado. A veterinária me ligou para falar que ela estava bem. Senti um grande alívio, porque, anestesia, não é?

Fui buscá-la com a minha família no fim da tarde, e ela ficou bem agitada quando nos viu. A veterinária nos explicou como fazer o curativo (ela prescreveu um por dia) e também orientou sobre os remédios. Achei muito fofo que a Drª Natália se lembrou que a Popô só gosta de sachê de frango e deu esta comida para ela. 💚

A Poesia tomou uma injeção de antibiótico que valeu por 14 dias. Além disso, dei em casa analgésico e anti-inflamatório. Ela saiu da clínica medicada pelo dia.


Poesia com a roupinha de gatas castradas
(sim, a da fêmea é diferente da do macho).


A recuperação

A volta da anestesia me assustou bastante. A gente chegou à casa e, quando abri a caixa de transporte, a Poesia saiu correndo e se debatendo. Tudo o que eu me lembrava era o pedido da médica de repouso absoluto. Naquela noite, tive que dormir com ela no colo, para que ela se acalmasse um bocadinho. Depois que o efeito da anestesia passou, tudo ficou mais tranquilo. A gente tinha só que ficar de olho, porque a danada descobriu um modo de tirar a roupinha de proteção.

Em seis dias, os pontos estavam sequinhos, logo a levamos na veterinária para tirá-los. Ainda assim, esperamos completar os 8 dias para tirar a roupinha de vez.

É claro que ela ficou bem manhosa e que a gente a mimou muito! Também notei que, nos primeiros dias de recuperação ela teve um apetite bem voraz (depois tudo voltou ao normal).

Depois que tiramos os pontos, ficou bonitinho assim. *_*

No fim, o processo todo foi bem mais tranquilo do que eu havia pensado que seria. Tudo isso, porque escolhi um lugar bacana, com uma veterinária maravilhosa, para que a Poesia fosse bem tratada. Só de saber do amor que ela sempre recebe quando vai à clínica, meu coração fica quentinho.

Acho que é isso.

Beijos, queijos e até amanhã! :*


_____________________________________________________________

You May Also Like

0 comentários

Olá!

♥ É muito bom poder ouvir o que você pensa sobre este post. Por favor, se possível, deixe o link do seu site/blog. Ficarei feliz por poder retribuir a sua visita.

♥ Quer saber mais sobre o blog? Então, inscreva-se para receber a newsletter: bit.ly/newsletteralgumasobservacoes

♥ Volte sempre! ;)