segunda-feira, 6 de julho de 2015

In a world like this I got you - saga backstreetíca parte IV

Leia também: Parte I, Parte II e Parte III.

13 de junho: o dia de realizar o grande sonho! Imaginem a minha cara tirando essa foto! <3


Pré-soundcheck

Sábado acordei com uma baita dor de cabeça. Há dois dias não comia direito e me sentia realmente com fome. Como tudo tinha que ser perfeito, tratei de almoçar comida de verdade, para não passar mal à noite. Depois da refeição com os meus pais, meu pai me levou até o citibank hall. Mais uma vez encontrei a galera na Backstreet. E mais uma vez passei o trajeto todo trocando mensagens com a Karlinha, com a Mari e com a Moni. ♥ Entramos no Citibank, e algo me dizia que aquele sábado seria incrível. Hoje, olhando para trás, posso dizer que perfeito é pouco para definir. Foi mesmo surreal!



O soundcheck

Quando permitiram que passássemos do saguão para o espaço do show, fomos para um lugar na lateral do palco. Fiquei contente porque era bem próximo (dava até para por a mão na plataforma, se quisesse). Estava ao lado da Lari, uma amiga que veio da Bahia para o seu primeiro soundcheck / meet & greet. Nossa expectativa era gigantesca, afinal aquele era o dia de finalmente abraçarmos e falarmos com eles pela primeira vez.


O frio na barriga estava grande, e a mágica, para mim, começou quando o AJ entrou no palco. Ele foi o primeiro a aparecer, o que me fez agir como doida. Entre as minhas amigas, costumo a chamá-lo de "Gordo" e, na hora, soltei um "Vem, meu Gordo", em português mesmo - como forma de brincar. Na hora em que disse isso, fiz um sinal chamando e tive a impressão de tê-lo visto me olhando. 

"Vem, meu Gordo!" - como eu amo esse ~homi~, gente!!! ♥


Os outros entraram, e eles cantaram Sugar e 10,000 promises (vídeo 1 e vídeo 2 no instagram - comigo cantando que nem doida). Então, eles decidiram cantar Breathe. Eu que já amava essa música, depois do dia 13 passei a amar zilhões de vezes mais. Lá me sai o AJ do palco principal e vem andando na minha direção. Eu estendo a mão pra ele. As meninas ao redor também... O que ele faz? Abaixa, pega SÓ NA MINHA MÃO, OLHA NOS MEUS OLHOS, solta e vai para o meio da plataforma cantar. Simples assim. Ele não pegou em nenhuma outra, só na minha mão. Depois de 19 anos sendo fã e tendo visto ele passar (de certa forma, passando com ele) por tudo o que ele passou, eu me senti (e ainda sinto) uma felicidade que transborda ao infinito e além. Meu Gordo atendeu ao meu pedido e veio! ♥♥



É claro que depois que ele saiu, fiquei pulando como uma doida e gritando um "O AJ pegou na minha mão!" repetidas vezes. É maluco como a gente esquece de ser uma lady racional nessas horas. Mas é igualmente divertido. Undone e perguntas vieram, mas eu estava ainda perdida naquele aperto de mão e na cara dele olhando na direção da minha câmera (como na foto acima).

O Meet & Greet

Acabado o soundcheck, todo mundo foi para a fila do meet & greet. Estava com as meninas na fila do gold, quando avistei a Bia e Ju na fila do silver. Fui falar com elas e, quando voltei, as meninas me deixaram sozinha na fila. Até hoje não entendi bem o porquê, mas também não fui perguntar, porque afinal elas não tinham a obrigação de estarem comigo o tempo todo (e ainda que eu quisesse muito que elas participassem deste momento, resolvi não ficar enchendo o saco, elas já foram pacientes o suficiente comigo!).

De qualquer maneira, Deus é lindo e faz tudo de uma maneira especial. Mal me vi sozinha - e um tanto desesperada, confesso - me aparece a Boo. Como todo mundo aqui sabe, ela é amiga de anos, querida demais. Quando ela me viu lá, forever alone na fila, resolveu ficar comigo e ainda soltou um "eu jamais te deixaria aqui sozinha". Ela é veterana nessas coisas de meet & greet e me ajudou muito a me acalmar. Ela viu o quanto eu estava gelada, o quanto eu estava ansiosa, o quanto estava com medo de não conseguir falar, o quanto eu queria que tudo desse certo. Ela meio que me deixou dizer a ela o que iria dizer a eles (ensaio, oi!), me ajudou a respirar e esteve comigo! Boo, te amo ao infinito e além. Muito, muito, muito obrigada mesmo por tudo! 

A fila andou. Entramos em um curto corredor e sabíamos que eles estavam após a porta. O Eddie (da produção deles) passou com um celular, transmitindo no periscope. E lá estava eu dizendo "Hiiiiiiiii" com um sorriso de orelha a orelha. Chegamos no Josh (um dos seguranças) e ele destacou a parte debaixo da credencial. Dali pra frente, vivi os minutos mais insanos da minha vida:

Coloquei a bolsa sobre uma mesa e o Mike (outro segurança deles) veio falar comigo:

Mike: Hey Lady, how 're you doing? | Oi moça, como vai?
Eu: Freaking out! | Surtada!
Mike: Why? | Por quê?
Eu: Because this is my first time. | Porque é a minha primeira vez.
*Mike ri.*
Eu: Look! |Veja!
*Coloquei a minha mão no braço dele*
Mike: Wow! I can't understand why people get cold when are nervous... | Uau! Eu não consigo entender por que as pessoas ficam geladas quando elas estão nervosas...
*Eu sorri.*
Mike *apontando para os meninos*: Have a good time! | Divirta-se!
*Eu sorri mais ainda.*
Eu: OMG! Hi, Howie, thanks for the amazing concert yesterday! | Ai meu Deus! Oi, Howie! Obrigada pelo show maravilhoso de ontem!
*abraço o Howie*
Howie: Hi, sweety, nice to meet you! You're welcome! | Oi, querida, prazer em conhecê-la! De nada!
Eu *já falando com o AJ - com um baita sorriso no rosto e super empolgada mesmo!*: I CAN'T BELIEVE YOU ARE REAL! | EU NÃO ACREDITO QUE VOCÊ É REAL!
AJ *Abrindo um sorriso*: Yes I am! | Sim, eu sou! *me abraçando e dizendo na minha orelha:* and so you are! | E você também é!
(Nota: Ele fez comigo o mesmo que eu fiz com ele. Isso foi tão doce e gentil da parte dele que não sei o que dizer, apenas sentir. Devo dizer que esse foi um dos melhores abraços que já recebi na vida!)

*Pausa pra foto entre o AJ e o Nick*.

Eu: Hi, Nick! How are you doing? | Oi, Nick! Como você está? *abraço no Nick*
Nick: Great! | Ótimo!
(Nota:
1. Eu não fazia ideia de o que dizer para o Nick.
2. Nossos carinhos foram mais em gestos, porque o abraço dele foi incrível e porque sorrimos muito um para o outro!)
*abraço no Kevin*
Eu: Hi Kevin, thank you very much for the amazing friends you gave me! | Oi Kevin, muito obrigada pelos amigos maravilhosos que vocês me deram!
Ele *enquanto faz um sinal de agradecimento*: welcome! | de nada! *sorrisão* I appreciate that! | Eu aprecio isso!
Eu: Hi, Brian! | Oi, Brian *Abraço no Brian*
Eu: Brian, God bless you man! | Brian, Deus te abençoe, cara!
Brian *olhando nos meus olhos*: Amem! | Amém!

(Nota: para quem não sabe, o Brian está passando por um problema de saúde que faz com que a voz dele oscile - ora saindo linda como sempre, ora não. Então, o desejo de que Deus o abençoe veio do fundo do coração. Só costumo dizer esse tipo de coisa para pessoas que realmente considero especiais. Ademais, sei o quanto o Brian acredita em Deus, logo o que disse fez sentido para nós dois.)

Então, o Brian ficou me olhando, esperando que eu dissesse mais coisas, e eu confesso que eu me perdi com aquele par de olhos azuis me encarando. Só ouvi quando um segurança (ou era o Eddie, não sei!), disse um "let's go, take your picture". Fiz uma cara para o Brian de "então tá, né?" e disse um "bye" que eu acho que só eu ouvi. Passei na outra mesa, peguei a foto autografada, voltei na primeira mesa, peguei a minha bolsa e saí com o melhor sorriso de todos. Dezenove anos depois, o momento mais esperado por mim, tinha sido mágico!

Abri a bolsa. A primeira coisa que fiz foi mandar uma mensagem de voz para a Karlinha. Ela estava tão feliz comigo e por mim que até chorou! ♥ E aí eu desci a rampa correndo e rindo e meio que pulando também e fui para a grade encontrar as meninas. Lá, a pessoa que mais me ouviu e me deu atenção foi a Bia. ♥

Eu sei que eu cheguei no lugar em que assistiria o show, mandei mensagem de voz para todo mundo (o grupo das meninas no trabalho, meus pais, o meu grupo de amigas de infância - duas delas entrariam mais tarde para o show) e escrevi todo o diálogo acima no facebook, porque não queria me esquecer dele (e a adrenalina é ótima para apagar as coisas da minha memória). Então, a Bia apareceu e eu contei tudo para ela. A Bia é como o Kevin, ela te olha nos olhos e te ouve de verdade! Isso é incrível e acho que faltam pessoas assim no mundo... Sei que depois de ter falado tudo e de ter surtado muito, a Bia me soltou um "Fê, eu estou feliz por você ter realizado esse sonho e mais ainda por ter conseguido falar. Eu sei o quanto você queria isso! A foto que eu mais quero ver agora é a sua!". Adivinhem o que aconteceu? Acertou quem disse que eu desabei. Acho que chorei uns 10 ou 15 minutos! E você acertou se pensou que foi a Bia quem me consolou, porque foi ela mesma! Bia, sua linda, I love you!!! ♥

Acho que nunca havia falado inglês sob tanta pressão assim. A minha felicidade foi não só por ter conseguido vê-los, abraçá-los e por ter uma foto com eles, mas por ter conseguido dizer aos cinco o que eu queria. Olhando hoje, pode até não ter sido o melhor diálogo do planeta, mas foi genuíno e eles perceberam isso. Foram falas cheias de amor e de gratidão, por todas as memórias lindas, por todos os amigos maravilhosos que eles me deram. Ter conseguido falar fez valer a pena cada sábado à tarde "perdido" nas aulas de inglês. Foi um teste que me trouxe 100 de confiança nas minhas habilidades. É muito insano como aqueles minutos mudaram a minha forma de ver a vida. Quase um mês depois, eu ainda escrevo essas palavras sentindo toda a mistura de sentimentos bons dentro de mim. É realmente surreal!

E o resultado disso saiu entre o soundcheck e o show do dia seguinte lá no site oficial deles:

Foto por Justin Segura. 

*Esta sou eu, segurando fundo para não chorar e conseguir terminar o post*.
Não há palavras que possam servir de legenda para o amor que eu sinto por essa foto, por esse momento. Não há. É aquele velho lance de Keep the Backstreet Pride Alive, que o Howie fala desde sempre e que, só quem é fã, sabe. Como eles mesmos cantam:

Never mind what people say ’cause they don’t understand 
how you left a permanent stain on my heart. You're never leaving it!

Foi tudo lindo, mas ainda tinha mais, ainda tinha o show!

O Show

Comecei o show na 2ª fila, sem todo o empurra empurra, fato que mais uma vez me surpreendeu. Definitivamente, sábado estava todo mundo que não havia conseguido ingresso para o show de sexta, então imaginei que seria mais tenso, mas nem foi. Graças a Deus.

Na sétima música, a Rê, que estava na minha frente, foi divar lá no palco e me deu a grade de presente (muito obrigada mesmo, Rê! ♥). Sei que foi tudo muito rápido. A Fabi falou um "Fê, vem" e me puxou pelo braço. Quando vi a Rê tinha saído e eu estava lá. Quando terminei de me ajeitar, olhei para frente e dei de cara com o AJ. Minha reação foi fazer um coração com as duas mãos pra ele. A reação dele foi fazer um coração com as duas mãos para mim. Eu, por minha vez, continuei fazendo o coração e comecei a dizer "Thank you, thank you, thank you!" (Obrigada, obrigada, obrigada). Aí, ele olhou no fundo dos meus olhos e disse: "Thank YOU" - com ênfase no you, me agradecendo. Galera, eu achava que tinha zerado a vida de McLean no soundcheck, mas zerei a vida ali! uahahahah Sei que eu consegui abrir um sorriso maior ainda e ele sorriu com o meu sorriso e saiu andando. Amor define!

A interação foi grande no sábado. A vibe estava tão boa que, na hora do acústico, acabaram incluindo mais uma música (que eu amo, diga-se de passagem) e que ninguém estava esperando: Get Lucky, cover do Daft Punk feat. Pharell Williams:



Mais lindo ainda foi o final:
- Kevin cantando (sem o mic, porque não era a parte dele) e brincando comigo durante a segunda estrofe de Love Somebody - fiquei tão embasbacada que mal consegui cantar, mesmo sabendo a letra de cor e salteado. 
- AJ passando entre a passarela e a grade em In A World Like This é luz, raio estrela e luar - pegar nele de novo foi demais!
- Mas, quando eu não esperava que mais nada de lindo fosse acontecer, o Kevin para na minha frente e dança o segundo refrão todo de Everybody ME ENCARANDO. Juro, foi assim o refrão todo: ele cantando e olhando na minha cara enquanto ele fazia os passos que eu passei a vida toda dançando. E eu cantando, fazendo os passos que davam e olhando para ele. Da mesma forma em que me perdi nos olhos do Brian durante o Meet & Greet, me hipnotizei com o olhar verde do Kevin me encarando. Para ele isso é tão normal, mas até agora eu não sei como o meu coração suportou tanto carinho e tanta felicidade! ♥

Para ver todas as fotos, acesse o álbum do Flickr, clicando aqui.

O amor foi tanto, que eu cheguei em casa depois dessa maratona toda, e não conseguia dormir. Sabia que o domingo seria o último dia e que teria que me preparar psicologicamente para a despedida... E que despedida! :)

_____________________________________________________________

8 comentários:

  1. Fê, agora fiquei sem palavras ao ler esse seu jeito lindo de escrever a sua emoção!!

    Na verdade eu que preciso te agradecer! Nunca ia te deixar ali sozinha!!! Te adoro muitoooooo!! E no final acabou que você me ajudou! Eu estava lá para te acalmar, mas no fundo também me acalmou um pouco.

    Quero sempre ser sua companheira de M&G!!

    Que venha os próximo!! =D

    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boo, será uma honra te ter como companheira de M&G! <3

      Adorei ter você comigo durante a realização de um sonho de vida!
      Sem palavras para a gratidão que eu sinto por te ter ao meu lado neste momento tão feliz!

      Muito obrigada por tudo mesmo!

      Um beijo,
      Fê!

      Excluir
  2. Amei as fotos, pelo texto deu pra perceber que foi incrivel ♥

    http://gotasdecaffe.blogspot.com.br
    https://www.facebook.com/GotasdeCafeblog
    Curte a Fanpage? xxx

    ResponderExcluir
  3. Uau... terminei de ler todas as partes (acho que todas que já foram publicadas) e estou simplesmente sem palavras... Primeiro, quero agradecer pela riqueza de detalhes, fotos e videos porque - sim, realmente sim - eu fui no show por você, através de todos os detalhes, relatos, enfim...
    Muito obrigada por compartilhar tudo isso com a gente!
    Bj e fk c Deus.
    Nana
    http://procurandoamigosvirtuais.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nana!
      Fico feliz que você tenha gostado de ler tudo. Eu fiquei meio na dúvida em escrever tudo com detalhes ou não, mas este foi um momento extremamente especial na minha vida e o meu blog serve para registrar tudo o que mais amo também! Logo, fiz essas postagens por mim, mas já estava achando que todo mundo iria reclamar! uahahahaha

      Foi bom te levar comigo nessa, mesmo que virtualmente!
      Um beijo,

      Excluir
  4. Que lindo Fê!! Mais uma vez parabéns por esse sonho realizado e que você consiga realizar muitos outros!! :) beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Rê!
      Obrigada! A felicidade que sinto ao me lembrar destes 3 dias é tão grande, que só posso desejar o mesmo a todos que torceram e ficaram felizes comigo! <3

      Obrigada pelo carinho,

      Excluir

Não deixe de observar também!

Sempre vou responder ao seu comentário por aqui; mas, se você deixar o seu link, farei questão de ir observar na sua morada! ;)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...