O tempo e os bebês

by - 11:04 PM

Foto por Skulleeroz - Na imagem, Rochelle McLean, mãe da pequena Ava
(outro bebê que faz todo mundo babar).

As Renatas tiveram filhos. Uma, um menino. A outra, uma menina. E eu, que sou tia babona confessa, fico besta com a velocidade em que estes sobrinhos postiços crescem.

Tudo começa na gravidez. As grávidas sempre reclamam o quanto a hora do parto demora para chegar. O quanto ter que ir ao banheiro a todo instante é incômodo e o quanto dormir se torna uma tarefa épica. Entretanto, para mim, a tia solteirona, tudo voa. Numa semana é uma barriguinha tímida. Na seguinte, o prazer indescritível de colocar a mão naquele barrigão e sentir o bebê mexer para lá e para cá! E então, puf!, a notícia de que nasceu!

E lá estamos nós, novamente, na maratona de ver o tempo voando diante dos nossos olhos: tão frágil nos primeiros meses, tão sapecas querendo "conversar", aquele sorriso banguela - seguido dos primeiros dentes, o esforço para engatinhar e andar. Os primeiros passos desengonçados como os de um pinguim e, por fim, a correria sem fim atrás do que quer que seja. Ver os pequenos crescendo felizes e saudáveis é uma dádiva, um presente! Parece estranho dizer; mas, não é que dá vontade de ter um, só para ouvir a risada gostosa ecoando pela casa?!

É... O tempo passa voando, acho que estou ficando velha!

_________________
Escrevi este texto em janeiro, agora a chegou a vez de a Li ser mamãe :) Hora de ver o tempo passar voando e ficar babando mais uma vez! :) ♥

You May Also Like

8 comentários

  1. Olá, Fernanda! Tudo bem?
    Que texto fofo! Amei! <3
    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Que texto fofo. Verdade que o tempo passa muito rápido. Outro dia soube que tava grávida e logo depois o bebê nasce. Deve ser muio gratificante ter um filho <3
    Parabéns às duas: a mãe a tia babona.
    Beijos

    Marina Alessandra do blog Maior de Idade
    @mariinaale
    @maioordeidade

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!
      É muito gratificante meeeeeeeeeeeeeesmo! ♥
      É o amor de forma viva!

      Beijos!

      Excluir
  3. Que lindooo seu texto!!! Tudo bem que não sou nem um pouco entusiasta para ser mamãe, mas ser a tia realmente é delicioso!!!
    A parte boa é que curtimos somente o lado fofo dos bebês, porque ter pra quem entregar nos momentos de choro não tem preço rs

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. uahahahahahha
      Acho que me acostumei às crianças na escola! ;)

      Beijos

      Excluir
  4. Aaaaaaaaaaah Fê, um texto desse pra uma pessoa que é doida pra ser mamãe! Você quer endoidar o Lucas de vez, né? kkkk

    Eu adorei o texto, sério. E, além do mais, gostaria de expressar aqui o meu sentimento de ódio por backstreet boys que têm filhos. Sério. Eles deveriam seus meus, todos meus Muahahaha!

    (kkk mentira, pode ter sim, a Ava é um amor)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Viiiiiiiiiiiii, o dia que vocês tiverem filhos, eles serão LINDOS!

      E, a Ava é um amor e o Mason é um lord! *_*
      Vomito arco-íris por eles!

      Beijos

      Excluir

Não deixe de observar também!

Sempre vou responder ao seu comentário por aqui; mas, se você deixar o seu link, farei questão de ir observar na sua morada! ;)